segunda-feira, 26 de janeiro de 2009

Anamar vendido em hasta pública


Venda em hasta pública vai levar dois navios do terminal bacalhoeiro para a sucata.
A capitania do Porto de Aveiro assegura que o navio “Anamar” foi vendido em hasta pública e já avançou com contactos para tentar acelerar a retirada da embarcação que está em processo de afundamento no terminal bacalhoeiro na Gafanha da Nazaré. Hoje foi deslocado do local o navio que apoiava o "Anamar" e a embarcação adornada continua em processo de afundamento.Ao que tudo indica o futuro passa pela sucata. “Recebemos ontem a informação de que o navio foi vendido em hasta pública. Vai para sucata. A capitania está entrar em contacto com a empresa que o comprou para agilizar o processo de retirada. Há o processo administrativo por trás porque o navio tem registo em Lisboa. Vamos tentar resolver a situação rapidamente”, disse o comandante Alves Salgado.O responsável pela capitania do porto de Aveiro manifesta-se preocupado com os casos de embarcações envolvidas em processos judiciais. Outro dos casos, é um navio Russo acostado perto do terminal de pescado congelado. Alves Salgado explica que o caso também deverá estar à beira do fim. “também tenho informação do tribunal de que também estaria em vias de resolução para ser vendido em hasta pública para efeitos de sucata. Estariam a terminar esses procedimentos através do tribunal”, explica Alves Salgado que recusa a ideia de se ter criado no terminal bacalhoeiro um “cemitério” de embarcações. “Não depende de mim essa situação. A autoridade marítima não tem relação directa com essa situação. São processos que decorrem nos tribunais. Não dependem da autoridade marítima mas sei que os processos estão a andar com celeridade e em breve esperamos que sejam retirados”, sublinha o responsável pela capitania.
Foto: Pedro Ribau
Fonte:RTV

1 comentário: